e-Sports: competições de jogos eletrônicos são febre no Brasil

Por trás dos computadores, existe um mercado mundial com campeonatos em expansão e muitos espectadores

 

A ideia de que jogos online são fonte apenas de entretenimento já não faz mais sentido. Isso porque por trás dos computadores, existe um mercado mundial com campeonatos em expansão e muitos espectadores. 

 

Ainda em 2019, o número de simpatizantes dos chamados eSports (esportes eletrônicos) no Brasil era maior do que a torcida do São Paulo – o terceiro maior clube de futebol do país em número de torcedores. De acordo com uma pesquisa da Newzoo, o segmento já contava com 21,2 milhões de fãs na época.

 

Os jogos digitais caíram de vez nas graças do mundo e também dos brasileiros. Com eles, vieram as competições nacionais e internacionais. Segundo a Confederação Brasileira de eSports (CBeS), a definição da modalidade é a seguinte: “competições profissionais realizadas através das plataformas digitais, que podem envolver dois ou mais competidores (inclusive equipes).”

 

Ou seja, ser “gamer” agora é algo que pode ser tratado como profissão, com direito a premiações e fama internacional. Sem mencionar, é claro, as oportunidades que o segmento oferece para jogadores que fazem “stream” de suas partidas em plataformas como Twitch e YouTube.

 

controles ps4

 

Conforme dados da Infobase, o Brasil já é considerado o terceiro país com mais jogadores de eSports no mundo, reunindo cerca de 66 milhões de pessoas. A expectativa é que o segmento movimente R$ 3,2 bilhões somente em 2022, com 75,5% dos brasileiros consumindo jogos eletrônicos. Até grandes times de futebol já possuem seus times para competições de eSports, como Corinthians, Flamengo e Santos. 

 

A Pesquisa Game Brasil 2021 destacou que o público brasileiro que joga é composto por 57,4% de homens e 42,8% de mulheres. Eles têm preferência por console (43%), a maioria está na faixa dos 25 a 29 anos (25,1%)  e 32,2% deles já ganharam dinheiro com eSports.

 

Ainda segundo a PGB 2021, os gêneros de esportes eletrônicos mais acompanhados pelo público brasileiro são battle royale (como Fortnite) com 53,5%, seguido de futebol (FIFA, PES) com 44,5% e, em terceiro, os jogos de luta (Mortal Kombat, Street Fighter) com 37,7%. Já os jogos de eSports mais conhecidos pelo público são o Free Fire (70,9%), Call of Duty: Cold War (69,4%) e Call of Duty: Warzone (68,8%). 

 

controle xbox one - Assistência Técnica M.E.C.A. Fix - Barra da Tijuca

 

Aliás, o Free Fire é mesmo a paixão do Brasil. A LBFF – competição nacional do game mobile – é a mais popular no país, colocando o torneio oficial da Garena como líder na categoria entre os mais acompanhados. Para se ter uma ideia, a final da Liga Brasileira de Free Fire 7, que aconteceu em 16 de abril deste ano, foi transmitida pela RedeTV, pelo Space e chegou até às telas de cinema da rede Cinemark. 

 

Mesmo assim, não podemos deixar de citar o Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL), o CLUTCH Circuit – campeonato de Counter Strike GO (CS:GO) – e a Liga Nacional de Futebol Eletrônico, que compete o jogo Play Station: FIFA, entre as competições favoritas dos brasileiros.

 

Não há como negar que a febre por games se tornou profissão além de entretenimento. E você, quais são os seus eSports prediletos?

 

Você se imagina crescendo como um jogador profissional? Conte nos comentários sua opinião sobre o assunto!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir bate-papo
1
Escanear o código
Olá! Obrigado por entrar em contato com a MECA FIX!
Como podemos ajudar?