iPhone 11: saiba o que muda com o novo smartphone da Apple

iphone 11

Setembro é um dos meses mais aguardados no calendário tecnológico. É neste período que a Apple, geralmente, lança suas novidades ao mercado. Desta vez, a gigante norte-americana apresentou ao público o novo iPhone 11, que veio num pacote com as versões Pro e Pro Max. Com novo design – apresentando novas cores -, e a adição de mais duas câmeras traseiras, o novo smartphone chega com detalhes e informações para bater de frente com os avanços das concorrentes do sistema Android. Os aparelhos chegaram ao público desde o último dia 20 nos principais mercados. Já os brasileiros devem conhecer os novos smartphones nesta semana. 

Reformulando um modelo competitivo, a Apple trouxe diversas mudanças em relação aos modelos anteriores. Os usuários, à primeira vista, devem reparar que o design do iPhone 11 mudou, principalmente em relação à variedade de cores – violeta, branco, verde, amarelo, preto e vermelho. Em relação ao tamanho da tela, continua o mesmo padrão do anterior, com 6,4 polegadas. A maior surpresa é na parte traseira: houve a adição de mais uma câmera, em um modelo parecido com o da Huawei.

Veja as principais mudanças do iPhone 11

1. Câmera

 Como adiantado, uma das principais transformações no novo iPhone 11 é na câmera. Com a adição de mais uma câmera na parte traseira, os usuários têm a possibilidade de dois sensores de 12 Megapixels, com um zoom óptico de 2x. A câmera também possui o modo retrato, assim como as anteriores. Os usuários podem optar por usar um dos dois sensores, que podem ser escolhidos no aplicativo. Quanto à filmagem, os vídeos podem ser feitos em qualidade até 4k, assim como na câmera frontal, que também 12mp.

2. Bateria

 Uma das principais reclamações dos consumidores dos aparelhos da Apple é a bateria. Desta vez, a norte-americana prometeu uma bateria maior no iPhone 11 e mais durabilidade em relação ao X. Segundo a empresa, os consumidores terão 1h a mais de duração, além de novos carregadores rápidos. No Pro 11, a marca promete mais 5 horas em relação ao XS.

3. Desempenho

 Neste quesito, a Apple prometeu que os aparelhos serão os smartphones mais velozes do mundo. Isso, por causa de um chipset de sete nanômetros nos iPhones. Ele é chamado de A13 Bionic, e a CPU têm a capacidade de processar 1 trilhão de operações por segundo. Segundo a gigante, há núcleos dedicados à eficiência e também à duração de bateria.

 4. Sistema

 Quem comprar um dos três smartphones deve encontrar a nova atuação do sistema para o IOS 13. Na nova operação, estão disponíveis aos usuários o tema escuro, opção de notificação de tempo de leitura – você programa e o sistema avisa se atingiu o objetivo -, alterar as opções de Wi-fi e de bluetooth, além da atualização e otimização de aplicativos nativos.

 5. Preço

 No Brasil ainda não há uma estimativa de preço para os smartphones. Mas, lá fora, inicialmente, a Apple começou a vender o iPhone 11 por  699 dólares, o Pro por 999 dólares e o Pro Max por 1099 dólares.

 

Está animado para esse lançamento? Conta para a gente nos comentários!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *