Nintendo Switch

Nintendo Switch Lite: o novo console portátil do Nintendo

novo console

Um dos lançamentos mais esperados dos últimos tempos pelos apaixonados do mundo dos consoles é o já tão falado Nintendo Switch Lite, que veio com boas e grandes novidades em relação à sua versão original já existente. 

O lançamento desta nova versão já foi confirmado pela Nintendo em julho deste ano, com lançamento em setembro de 2019. Sim, foi lançado aos gamers o novo console do Nintendo, chamado Nintendo Switch Lite. 

E o preço? Essa é uma das principais dúvidas e questionamentos quando o assunto é lançamento. De acordo com as informações da empresa, o valor do Nintendo Switch Lite foi de US$200, o que significa, em conversão direta, cerca de 841 reais, mas é claro, que é preciso considerar um valor a mais por conta dos impostos. 

O valor estimado do console ao chegar no Brasil não foi bem assim. O Nintendo Switch Lite é encontrado no mercado nacional por volta de R$1.500. Bem acima do esperado.

Em comparação com o Nintendo original, que já é vendido por cerca de R$2.000, o preço do novo Nintendo Switch Lite agrada aos gamers de plantão, uma vez que tem valor menor do que o que já está no mercado.

As principais diferenças entre o Nintendo Switch Lite e a sua versão original

Muito se espera do novo console da Nintendo, principalmente no que diz respeito à melhorias no hardware. Mas afinal, será que esse lançamento vai mesmo apresentar as melhorias esperadas? 

Em primeiro lugar, vamos falar da proposta desse Nintendo Switch Lite, que pouca gente ainda sabe qual é. O lançamento é justamente uma versão mais barata do que o original e a sua finalidade principal, podemos dizer assim, é ser um console portátil. 

Ou seja, ele é um console que já vem com os comandos embutidos, sendo inexistente as saídas para os cabos que ligam o game à TV. E já que estamos falando nessa conexão com o televisor, o Nintendo Switch Lite não é compatível a todos os tipos de TV. 

Dessa forma, podemos afirmar que a proposta do Nintendo Switch Lite é ser um console para jogos e partidas fora de casa, o que deve garantir maior mobilidade aos jogadores, o que também significa menos potência de hardware. 

Para garantir a portabilidade, houve uma diminuição considerável no peso: a versão Lite pesa tem uma diferença de 100 gramas para o seu antecessor, pesando apenas 275 gramas em comparação ao peso de 398 gramas do seu irmão mais velho. Para quem tem como prioridade a portabilidade do console, o peso é definitivamente um item importante a ser considerado.

Em comparação também com outros consoles de última geração, o Nintendo Switch Lite deve apresentar resolução inferior, rodando os gamers a 720p. Além disso, há ainda outra limitação: a incompatibilidade com o Nintendo Labo, acessório da própria marca. 

Agora, um ponto positivo do Nintendo Switch Lite em relação ao original: a duração da bateria. De acordo com os estudos, o novo console portátil deve ter bateria que dura até 30% mais do que a versão que já conhecemos. 

Compatibilidade com jogos

 O Nintendo Switch Lite deve também apresentar algumas limitações em relação ao modo multiplayer em alguns jogos, como o Super Mario Party. Por outro lado, outros jogos que permitem conexão por Bluetooth podem ser adaptados e jogados no novo console. 

Uma das principais diferenças é em relação aos Joy-Cons. No novo modelo, eles são acoplados e não podem ser removidos como no Switch. Essa mudança impede que a versão lite do console rode alguns jogos que não tenham suporte ao modo portátil. Uma solução para jogar games que necessitem do movimento dos Joy-Cons é conectar um controle sem fio separado ao console. 

Apesar de não manterem na nova versão o já conhecido HD Rumble, tecnologia da Nintendo que permitia tremidas no Joy-Con, os jogos que dependiam da função foram atualizados para não ficarem inutilizados no portátil.

É possível adaptar a jogabilidade do Nintendo Switch Lite para certos jogos através do uso de controles sem fio externos, suportes para mesa e outros itens. No geral, para garantir que o jogo que você deseja adquirir seja compatível com o console, basta conferir no eShop da Nintendo ou se possui modo portátil.

A grande maioria dos jogos já consagrados no seu irmão mais velho, Nintendo Switch, podem ser jogados também na versão Lite. É preciso lembrar que os consoles possuem propostas diferentes. O novo console chega no mercado com foco na portabilidade. Algumas características originais do Switch acabam ficando de fora para atingir o objetivo da Nintendo.

 A ausência da câmera infravermelha, o HD Rumble e a possibilidade de remoção dos Joy-Cons são alguns dos itens que não seguiram para a nova versão. Por outro lado, a perda não é tão sentida na prática já que a maioria dos empecilhos podem ser solucionados ao conectar um controle sem fio ao console. 

Listamos alguns jogos que tem versão portátil ou possibilidade de compatibilidade com o Switch Lite ao adicionar periféricos:

  • Just Dance

A versão mais atual de um dos jogos de dança mais famosos do mercado não poderá ser jogada no Switch Lite sem a conexão com periféricos. Como sua jogabilidade depende de sensor para controlar movimentos, não será possível jogar no console sem elementos externos. Nesse caso, é possível utilizar o app Just Dance Controller para suprir a falta do Joy-Con.

  • Mario Tennis Aces

O Swing Mode do game permite utilizar o controle como uma raquete de tênis. Como os Joy-Cons do Lite são acoplados, uma solução para aproveitar o game é adquirir um controle extra para usufruir da experiência do game com controle de movimento.

  • 1,2 Switch

O game pode ser jogado no novo console da Nintendo se o jogador conectar Joy-Cons sem fio ao Lite. 

E você, o que espera do Nintendo Switch Lite? Já conhece a versão original? Está animado para comprar a novidade? Conte aqui para a gente!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *