Notícias

Controle do Xbox Series X vs DualSense do PS5: confira o comparativo entre os controles

dualsense

Confira um comparativo entre os controles da nova geração de Xbox e PlayStation e saiba o que eles têm em comum

Com o lançamento da nova geração de consoles previsto para a mesma época, a Microsoft e Sony deixaram o universo gamer com muitas expectativas. Concorrentes diretos, o PlayStation 5 e o Xbox Series X estão sendo aguardados por jogadores do mundo inteiro. 

Enquanto não sabemos mais informações sobre o design do PS5, a Sony já anunciou o controle da sua nova geração: o DualSense. Com foco na melhoria na jogabilidade e na experiência do usuário, o novo modelo promete ser um grande salto em relação ao DualShock 4, seu antecessor. Com a difícil missão de inovar sem perder suas melhores características, o DualSense traz algumas novidades e melhorias bem interessante para os jogadores sem deixar de lado o que fez sua geração anterior bem sucedida.

A Microsoft deixou claro que o seu novo Xbox Series X será potente e com muito desempenho. Com design levemente alterado, a empresa apostou em mudanças pontuais no controle Series X em busca de agradar os jogadores. 

Confira nosso comparativo entre o DualSense e o controle Series X com as principais diferenças entre eles e o que ambos têm em comum:

 

Aparência 

Em relação ao visual externo e design dos controles, as empresas seguiram propostas diferentes. Enquanto a Sony optou por mudanças decisivas no design do seu controle básico da próxima geração, a Microsoft não fez grandes alterações no seu Controle Series X. 

A mudança mais perceptível do controle DualSense é com certeza a escolha de um visual dual tone branco e preto. A barra de luz também mudou de lugar. Diferente do seu antecessor, agora é posicionada de forma mais visível, nos lados do touchpad. Com gatilhos adaptáveis incorporados aos botões L2 e R2 e novidades como o feedback háptico, é esperado que a imersão na jogabilidade tenha um ganho considerável. 

No controle do novo Xbox Series X, as mudanças no design não foram drásticas. Detalhes no relevo dos botões e um novo D-Pad são destaques do modelo. Esperado pelos fãs, a Microsoft implementou no novo controle um botão de compartilhamento. Com ele, é possível capturar e compartilhar momentos da gameplay. Tradicional no DualShock 4, o botão Share é repaginado para a próxima geração ganhando o nome de Create. 

 

Novidades

Além de apostarem em gatilhos adaptáveis, ambas empresas apostaram no feedback háptico em seus novos modelos. Similar ao de smartphones, é responsável por aprimorar as sensações relativas ao toque no controle. Com vibrações, pulsações, peso e outros elementos, é possível sentir se um golpe, em um game de luta, foi mais ou menos pesado, se há resistência ao dirigir em uma estrada de lama e muito mais sensações. 

Apostando na diferença que fazem os pequenos detalhes, a Microsoft implementou no novo modelo uma entrada de latência dinâmica. Com ela, o jogador consegue mais precisão em jogos em que os detalhes são cruciais na jogabilidade.

No DualSense, uma das novidades para os gamers foi a possibilidade de jogar sem headphone e se comunicar com os amigos graças ao microfone embutido no controle. 

 

Bateria e conectividade

O DualSense e o Controle Xbox Series X ambos chegam ao mercado com carregadores USB-C. Neste quesito, a diferença entre eles se encontra na forma de alimentação. O controle da Sony terá uma bateria interna fixa, seguindo o padrão do seu antecessor, enquanto o da Microsoft usará pilhas AA ou bateria recarregável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *