Maresia: como o vento da praia afeta os equipamentos eletrônicos e o que fazer para evitar esses danos

maresia componentes danificados

A maresia é conhecida como um cheiro forte e característico que se desprende do mar e causa corrosão em metais 

 

A maresia é uma fina névoa úmida e salgada que paira no ar, trazida pelo mar, e que contém substâncias químicas como sais. Por estarem no ar, tais substâncias penetram objetos compostos por metais, como é o caso das próprias construções residenciais, móveis,  veículos e, sobretudo, equipamentos eletrônicos. 

 

Como é de se esperar, quanto mais próximo do mar você estiver, maiores serão as chances da maresia interagir de forma indesejada com algum aparelho. Seja você morador do litoral ou apenas um visitante na praia para férias de verão, é quase inevitável estar perto do mar sem nenhum equipamento eletrônico, e o risco do dispositivo sofrer alguma avaria é grande caso alguns cuidados não sejam levados em consideração.

 

Se você enfrenta problemas com a ação da maresia na sua residência ou vai se mudar para um local arriscado, confira neste texto qual o real impacto desse “vento praiano” em seus eletrônicos e como evitá-lo.


Como a meresia afeta os aparelhos eletrônicos? 

 

A corrosão de metais é uma deterioração causada por processos eletroquímicos provocados por reações de oxirredução. Esse tipo de corrosão é muito comum em nosso cotidiano; um grande exemplo é a formação da ferrugem em grades e carros. Para além disso, os equipamentos eletrônicos — cujos componentes são comumente feitos de metais — têm seu funcionamento e durabilidade afetados. 

 

Estudos indicam que nos Estados Unidos se gasta cerca de 80 bilhões de dólares por ano com prejuízos causados pela corrosão. Até mesmo um dos maiores pontos turísticos de Nova Iorque, a estátua da Liberdade, corre  risco de ter sua estrutura afetada, visto que é composta por ferro sobre placas de cobre. 

 

No Brasil, os prejuízos não são diferentes. O Cepel (Centro de Pesquisa da Eletrobrás), em Fortaleza, indicou que o tempo de vida útil de um poste é de menos de 5 anos em cidades litorâneas, sendo que em outros lugares pode chegar a 30 anos. Isso sem falar na constante manutenção que deve ser feita em transformadores e outros equipamentos elétricos.

 

Mas por que em cidades litorâneas a corrosão é acelerada?

 

Muitos pensam que a causa da fácil corrosão causada pela proximidade com as praias é a umidade do ar. A verdadeira causa, porém, é o fenômeno da maresia, que para a população costuma ser associada a um cheiro forte e característico que se desprende do mar. Quimicamente, pode-se dizer que a maresia seria a ação oxidante da água do mar em razão das substâncias nela dissolvidas.

 

A água do mar não é pura e por causa da ação do vento e de outras condições ambientais, suas partículas se espalham, entrando em contato com objetos metálicos que são corroídos. Esse processo é acelerado pela presença dos íons na água do mar e nos evaporitos, que são micropartículas presentes na maresia, isto é, o ar com presença de sais. Esses íons fazem uma ponte salina, o que possibilita o fenômeno de oxirredução entre o oxigênio do ar e os metais.

 

 Como evitar a ação da meresia nos eletrônicos


Mesmo que por algum acaso você não possa resolver ficar a uma distância segura da praia, é possível tomar alguns cuidados que evitam a corrosão dos componentes de seus equipamentos eletrônicos. Confira a seguir algumas dicas:

 

  • Realize limpezas esporádicas com álcool isopropílico e passe um pano seco com frequência para retirar umidade;

  • Cubra seus eletrônicos, como notebook, TV e console, quando não estiverem sendo usados. Recomenda-se o uso de capas bem fechadas;

  • Não coloque seu PC, console, caixa de som ou afins no chão, e não use coolers frontais — daqueles que jogam ar para dentro;

  • Insira dentro do gabinete do seu PC alguns saquinhos de silica gel, que ajudam a reter a umidade;

  • Use um desumidificador ou ar-condicionado no cômodo onde você mantém seu equipamento eletrônico;

  • Abra o mínimo possível de portas e janelas, sem esquecer de fechá-las quando o ambiente não estiver mais em uso.

A maresia já afetou algum de seus equipamentos eletrônicos? Gostou das dicas dadas acima? Conte sua experiência sobre o assunto nos comentários!

 

 

NOS SIGA TAMBÉM NO INSTAGRAM E FACEBOOK!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×

Fale com a MECA pelo WhatsApp!

× Como podemos te ajudar?